domingo, 6 de abril de 2008

Chili com carne


Ingredientes:

*1 cebola média
*1 pimenta
*½ copo de azeite
*3 tomates inteiros ou uma lata de tomate
*300 a 400 gr de carne picada
*1 caldo de carne
*1 colher de cominhos
*1 pimenta malagueta (opcional)
*1 lata de feijão preto ou encarnado ( pequena ou grande consoante a quantidade de carne e de pessoas)


Ponha a máquina na velocidade 4 e introduza através do buraco a cebola e o pimento para os picar durante uns segundos.

Junte o azeite programe 5 minutos na temperatura de 100 e deixe refogar. Junte o tomate a carne e o caldo, os cominhos, pimenta e deixe cozinhar durante 10 a 15 minutos na temperatura de 100º.

Coloque o suporte giratário/borboleta nos últimas 5 minutos e adicione a lata de feijão escorrida.

Sirva com arroz branco.

10 comentários:

Anónimo disse...

Olá eu tenho a Bimby vai para um ano mas a minha familia é contra a comida feita a Bimby. Ainda no Domingo calhou-me mal o almoço e fiquei triste pois vejo nos foruns toda a gente a ter sucesso e a falar maravilhas e eu estou a utilizar esta máquina maravilha basicamente como amassador de massa de pão. Sinto-me um pouco triste e não sei como ultrapassar este problema. Desculpa o desabafo!
Barbara

Anónimo disse...

p.s o que me vale é a compra foi feita a pronto senão estar com esta tristexa e pagar a mensalidade todos os meses acho que já me tinha passado!
Estou mesmo mal, desculpa mais uma vez!

Anónimo disse...

porque nao pedes uma nova demonstração?

Anónimo disse...

Tenta os doces. A bimby faz umas optimas sobremesas. Vais ver que a familia muda de ideias. Depois aos poucos vais introduzindo outros pratos.

CGM disse...

E as sopas? Ca em casa gostamos muito.

E eu geralmente nao cozinho na Bimby, mas eh um auxiliar precioso (picar cebola, alho, fazer o refogado e depois meto na panela tradicional e acabo enquanto faco a sobremesa na bimby, ou o arroz)

Maria disse...

Cá em casa faço praticamente tudo na Bimby. Mas se não gostam da comida podes sempre fazer os acompanhamentos arroz e puré (este fica fabuloso!). Para não falar nos néctares dos quais os meus filhos são fãs, as caipirinhas e as sobremesas. São rápidas e fantásticas.
Insiste e começa pelas entradas. As sopas ficam bem, tanto os purés de legumes como as sopas com legumes inteiros. Vou dizer como faço: cozo a base da sopa no copo - coloco os legumes que já utilizava para a sopa feita na panela - batata, cenoura, courgete ou abóbora, cebola ou alho francês e um dente de alho com sal e azeite. Ao mesmo tempo cozo na Varoma os legumes que quero manter inteiros - espinafres, agriões ou aquelas misturas de sopa que se compram embaladas nos supermercados (por vezes adiciono aqui também uma lata de feijão ou grão). Quando o tempo de cozedura termina (30 min.) tiro a Varoma, trituro a base e adiciono os legumes inteiros. Fica muito cremosa e deliciosa.

Bia Alegria disse...

Olá!
Uma amiga minha emprestou-me uma bimby para experimentar, antes de me aventurar numa compra tão avultada. O que é certo é que seguindo as instruções à risca... as coisas não têm corrido bem. Ou o chili com carne que fica sem sal, ou o arroz doce que de doce não tem nada... é que já estou a pensar desistir de fazer a compra!
Será que é preciso adaptar as receitas?!?

Maria J. disse...

É verdade! Eu faço as sopas como a Maria e ficam excelentes! Mas uso a Bimby para fazer praticamente tudo.
Acho que tanto a Anónimo como a Bia deveriam pedir uma demonstração. É mais fácil ver o que a Bimby pode fazer. E é claro que devemos adaptar as nossas receitas à Bimby. Os meus filhos não gostavam da comida. Logo que comecei a adaptar as minhas receitas, a que estavam habituados, a situação mudou. Por exemplo, a receita de esparguete à Bolonhesa. E já agora, nos refogados experimentem fazer com a temperatura Varoma em vez dos 100 graus. Fica mais semelhante aos refogados normais. Talvez ajude.

Anónimo disse...

Olá, a todos que tiveram maus resultados aconselho 1º a ler com atenção a introdução do livro Bimby; 2º façam um prato, doce etc simples e sem ansiedade lendo bem a receita e tendo todos os ingredientes necessários, 3º ir adaptando as receitas ao seu gosto (tempero, sal, acuçar etc), 4º não desista porque a Bimby é um instrumento super ùtil quando bem manuseado.

Anónimo disse...

Olá, a todos que tiveram maus resultados aconselho 1º a ler com atenção a introdução do livro Bimby; 2º façam um prato, doce etc simples e sem ansiedade lendo bem a receita e tendo todos os ingredientes necessários, 3º ir adaptando as receitas ao seu gosto (tempero, sal, acuçar etc), 4º não desista porque a Bimby é um instrumento super ùtil quando bem manuseado.